Você está lendo o Diário de Iza.

Seja sempre bem-vindo(a) por aqui.


Este é um blog simples, criado por alguém que adora conversar na Internet. Saiba mais como funciona aqui...


Aqui você encontra:

  • Textos simples escritos como se escreve nas redes sociais.
  • Reflexões e dúvidas sobre a vida, a maioria superadas.
  • Pequenos contos.
  • Rascunhos de poesias.
  • Evoluções de pensamento!
by

Até que ponto você confia nas pessoas doces e gentis?

Este blog funciona, também, para que eu conte coisas que não poderia contar para ninguém. Fatos que se contasse para as pessoas envolvidas, certamente, haveria uma comoção. Conto aqui, sem citar nomes, reverenciando apenas fatos.

Dia desses cruzei com uma pessoa considerada muito doce e gentil aqui na cidade. A pessoa sabendo que eu não poderia contar o que ela me dizia revelou-me o quanto despreza os próprios sogros. Tentou me mostrar uma imagem dos sogros que eu não conseguia visualizar. A conversa me fez mal e me fez mal não porque eu considerasse os sogros dela as melhores pessoas do mundo. Me fez mal porque era muita notícia ruim junto e ao mesmo tempo.

Silenciei e observei.

Observei que tal pessoa muito doce e gentil é adorada pela sogra e vive dando presentes para a mesma. Tratando-a com muito carinho e bajulação. Tratando os dois como se fossem seus pais e por trás "cravando a faca."

Por isso tenho medo das pessoas doces e gentis demais. Prefiro as pessoas cheias de defeitos e com a maioria deles bem visível.

2 comentários:

  1. Detesto a falsidade e pessoas que parecem "pingar mel nos olhinhos", sempre tenho mais cuidado. Tive experiências com as freiras do colégio que estudei. Quanto mais melosas e "doces", mais falsas e jararacas,rs Agora devem estar se revirando no caixão ,rs beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Ninguém pode ser 100% uma coisa, muito gentil ou muito grossa, eu penso. Então, acho que é bom o equilibrio. É chato se fazer de boazinha e ser uma pessoa ruim por trás, e neste caso, os sogros nem imaginam o que ela pensa deles. E por que ela pensa o que pensa deles? Será mesmo que ela tem razão? Acho que cada um sabe do que carrega, e é uma pena que vc teve que carregar um pouco disso a partir do que ela compartilhou. As vezes tem coisas que é melhor não saber, ne. rs

    ResponderExcluir

Comente e faça uma blogueira feliz!😊




Este blog não é um exercício de escrita. Aqui escreve-se  tal como se escreveria nas redes sociais.
Saiba mais sobre o blog...